ACESSIBILIDADE - LEI nº 13.146/2015


Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas conforme o modelo abaixo: ALT + [Nº de atalho]

ALT + 1

Ir para o Conteúdo

ALT + 2

Ir para o Menu

ALT + 3

Ir para a Busca

ALT + 4

Ir para o Rodapé

ALT + 5

Acessibilidade

ALT + 6

Mapa do site

ALT + 7

Acesso a Informação

ALT + 8

Cor Original

ALT + 9

Cor com contraste

Botão/Tecla +

Aumentar Fonte

Botão/Tecla -

Diminuir Fonte

Botão/Tecla =

Fonte Original

Leitores de Tela

Nosso Portal foi desenvolvido para ser compatível com softwares leitores de tela. Assim, basta que o usuário tenha instalado em seu computador um destes softwares que será possável ouvir o que está escrito ou desenhado no site.

Agência de Notícias

Prefeito participa de Assembleia do Consórcio de Resíduos Sólidos da Grande Aracaju

Assembleia de eleição e posse da nova diretoria do Consórcio de Resíduos Sólidos da Grande Aracaju, a qual o município de Itaporanga D’Ajuda faz parte.

09/03/2017 15:32


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

Prefeito participa de Assembleia do Consórcio de Resíduos Sólidos da Grande Aracaju

O prefeito Otávio Sobral acompanhado do secretário municipal de Obras, Transporte e Serviços Urbanos, Sérgio Melo, e do diretor do Meio Ambiente, Augusto Garção, participou na manhã desta quarta-feira, 22, da Assembleia de eleição e posse da nova diretoria do Consórcio de Resíduos Sólidos da Grande Aracaju, a qual o município de Itaporanga D’Ajuda faz parte. A nova diretoria foi empossada para o biênio 2017/2018.

Como resultado da Assembleia foram eleitos e empossados o prefeito de Maruim, Jeferson Santana (presidente), o prefeito de Barra dos Coqueiros, Airton Martins (vice-presidente), o prefeito de General Maynard, Valmir de Jesus (diretor Geral) e o prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana (diretor Financeiro).

O secretário de Estado do Meio Ambiente, Olivier Chagas, destaca que o problema dos resíduos sólidos é nacional e que o Estado de Sergipe tem avançado para a erradicação dos lixões com a criação dos Consórcios. “O problema dos resíduos sólidos é um problema gravíssimo e é um problema nacional, e com esses consórcios nós estamos cumprindo a legislação, nós estamos dentro da legalidade”, diz.

“O Plano Nacional de Resíduos Sólidos estabelece que os consórcios podem ser autarquias que dão condição de os municípios resolverem esse problema de forma colaborativa, ou seja, se é difícil pro município resolver o seu problema sozinho, cria-se os consórcios que é a reunião de diversos municípios para que, por exemplo, na Grande Aracaju não precise cada município ter um aterro sanitário. Tem municípios menores que poderão dividir e a gente até então ter um aterro que seja compartilhado para um, dois ou três municípios, ou seja, é uma maneira que você tem que buscar resolver o problema de forma dividindo a carga”, completa o secretário.

Olivier conclui afirmando que as novas gestões estão dando continuidade a um trabalho de política de respeito ao meio ambiente. “O que está acontecendo agora nessa nova gestão, dos prefeitos que assumiram agora em janeiro é a continuidade desse trabalho que é focado em uma política de respeito ao meio ambiente, de respeito a legalidade para que a gente possa, em muito breve, conseguirmos resolver o problema de dizermos assim acabamos com os lixões a céu aberto no estado de Sergipe. Temos aterros sanitários respeitando o meio ambiente e dando uma melhor condição de vida a todos”, concluiu Olivier.


Compartilhar no Whatsapp
Compartilhar por E-mail Imprimir

OUTRAS NOTÍCIAS